2009-01-11

trema

pois é, mal se notou na escala de Richter mas o trema saiu de cena da língua portuguesa

no Brasil, entrou em vigor o conjunto de normativos relativos ao Acordo Ortográfico celebrado entre vários Países de língua oficial portuguesa

assim, oficialmente, deixa de se escrever com trema - era uma convenção ortográfica para a pronúncia de palavras como "lingüiça", "freqüente" ou "ubiqüidade"

para quem, no Brasil, passar a escrever de acordo com o Acordo, causará insuperável angústia saber se a ousadia merece acordo dos leitores ou o modo como serão lidas tais palavras? talvez...

cai o mundo por causa disso? hmmm... jametinhamdito!

em vários Países sempre se escreveu e leu "linguiça", "frequente" e "ubiquidade", continuando-se a viver sem cair o mundo - quer dizer, sem cair por causa disso!!

da experiência, poderá certamente afirmar-se que a modificação de uma norma, a sua aprendizagem em conformidade e a sua aplicação concordante deverão ser essencialmente irrelevantes para o prosseguimento da vida

tal como nas regras de trânsito, sempre em mutação para adaptação às novas realidades ou para enfrentar os novos desafios, e em tantos outros domínios, as normas ortográficas só cristalizam nas línguas caducas, sem falantes

nas línguas vivas, as regras mudam, tempos a tempos, para benefício das comunidades falantes da língua e da própria língua

quando em vez, em vez de mudarem por decreto, tais regras podem mudar por acordo

é uma excepção à regra neste mundo, habituados que estamos ao desentendimento e à imposição por decreto

terá mesmo que ser sempre assim ? para muitos arautos da desgraça, moura é a gente que se dispõe a mudar

e que haja quem procure tratar do que há a tratar por acordo deixa muita gente desconfiada, pois é?

isso bastará para acreditar e gritar que o mundo caia?

ou trema?




observações são bem vindas
;->>>

4 comentários:

decifrante disse...

acredito que o trema já havia se tornado obsoleto há algum tempo. o que sempre achei uma pena, já que o via como um charme a mais na linda língua portuguesa. mas o mundo muda, a sociedade muda, a regra muda...

Anónimo disse...

Já ambos escrevemos muito sobre o assunto e conhecemos amplamente o que une as nossas opiniões e as separa.
Sobre o trema que os brasileiros terão deixado, era decerto tão importante como o acento grave em palavras como somente, tecnicamente, solitariamente, etc. que nós portugueses há muito largámos sem qualquer comoção nacional. Fosse tudo assim tão pouco importante!

Sofá Amarelo disse...

Eu acho que isto tudo é uma... trama! É inevitável que o brasileiro vai vencer. Senão vejamos: os brasileiros são no mundo 10 vezes mais que os portugueses; dentro de poucos anos eles serão 1/4 ou mais da população residente em Portugal; e o Brasil é um país mais dinâmico culturalmente do que Portugal - não quer dizer melhor ou pior, a cultura em princípio não se mede por termos qualitativos! Mas que Portugal perderá influência nos próximos anos, isso perderá... e não é só no futebol!!!

Anónimo disse...

Não n é q esteja errado o de vcs mas eu axo q ela saiu pq canso de fika em sima da LIMGUIÇa.....