2010-03-12

e sonhar






















olhos fechados, que vemos?

responde o Poeta: "tenho em mim todos os sonhos do mundo"

Fernando Pessoa exprimia bem e de um só traço o que de melhor podemos desejar a quem vê de olhos fechados ou, provavelmente, o que de melhor podemos desejar a quem amamos, ou mesmo, pura e singelamente, o que de melhor podemos desejar!

bem, mas de olhos fechados também se pode aproveitar e ... descansar!!

em paz!!!

e continuar a ouvir o riso das crianças ;_)))





observações são bem vindas
;->>>

8 comentários:

Sofá Amarelo disse...

Nem todos conseguem dizer o que lhes vai na alma... às vezes parece que há uma espécie de inibição ou de pensar que não vale a pena dizer porque é um dado adquirido... mas não há dados adquiridos... há palavras ditas e sentidas... essas sim, valem por tudo neste mundo!

marta disse...

Os sonhos só são sonhos enquanto irrealizáveis
Uma vez realizados, deixam de ser sonhos.
Continuar a tê-los, é o desejo

mafY disse...

Sentámo-nos no banco para ver o rio que corria em desenhos de todos os sonhos. E eis que se vira para mim e diz:
- Titi, encosta os teus olhos nos meus para eu ver o que tu vês.
...e quem sonhou fui eu.

Obrigada António por nos despertares ao poema de Fernando Pessoa.

Anónimo disse...

Uma linha, romântica e bonita do Alberto de Oliveira, pergunta:

"Se te esqueci, porque sonho contigo?"

jmco

mafY disse...

Apetece responder que, ao que tantas vezes chamamos "sonho" afinal, pode ser também parte da realidade acima da nossa capacidade de memória.
E numa manhã assim, de luz a entrar ensolarada pelo café e estaladiço (com manteiga), lembro os seres que conheço e os que não cheguei a conhecer para desejar, sonhos luminosos.

Anónimo disse...

estou noutro patamnar k não o vosso. não me posso dar a essses luxos.

tulipa disse...

Não sou Poeta, mas também afirmo:
"tenho em mim todos os sonhos do mundo"
É bom sonhar!!!
Quando sonho parece que estou mais próxima de atingir o objectivo.
Dá a sensação de meio caminho andado.

Depois de ter aceite o desafio e ter-me inscrito, fui “colocada” no Montijo, para fazer a foto-reportagem do PLP.
No grupo que acompanhei havia cidadãos de várias faixas etárias e de diferentes raças, armados de luvas, ancinhos, pás, boa vontade e sacos cheios de lixo para contribuir dando uma parte do seu dia de descanso, tal como eu também fiz, (e se gosto de dormir mais umas horinhas ao sábado…).
Tenho nos meus princípios a bela experiência de ter sido escuteira e, embora a saúde já não me ajude como nos tempos da minha mocidade, contribui de outra forma, mas estive “no terreno”.
No meio de tanto lixo encontrei flores do campo e também as fotografei.
Ofereço-vos lindas flores amarelas.

Bjs.

CarlaSofia disse...

Por vezes, sabe tão bem ter os olhos fechados. O mundo ganha outra energia. E sonhar é bom quando não desistimos dos nossos sonhos. Muito grata pela visita aos universosquestionáveis.
Até breve.
*